Home Destaque Eduardo ‘Chacho’ Coudet é o novo técnico do Internacional

Eduardo ‘Chacho’ Coudet é o novo técnico do Internacional

251
0
SHARE
Eduardo 'Chacho' Coudet foi apresentado como novo treinador colorado (Foto: Mariana Capra/Internacional)

Por Adriano Garcia

O Inter tem novo comandante na casamata; no começo da tarde desta quinta-feira (19), Eduardo ‘Chacho’ Coudet foi apresentado como novo treinador. Em suas manifestações como técnico colorado afirmou que quer ver em campo um time que busque o protagonismo do jogo e das competições. Além disso, destacou que fará de tudo para que o grupo se adapte rapidamente às suas ideias para a disputa da Libertadores, marcada para os dias 4 e 11 de fevereiro de 2020. Coudet demonstrou estar fascinado com o comportamento da torcida colorada e disse que escolheu o Inter por ser um clube apaixonante.

O novo comandante colorado assinou contrato até o fim de 2021. Ele chega ao Internacional credenciado pelo título argentino com o Racing e terá o apoio do auxiliar Ariel Broggi, dos preparadores físicos Octavio Manera e Guido Cretari e do analista de desempenho Carlos Fernández.

“Por conta do calendário, temos que nos adaptar o mais rápido possível, realizando uma preparação dinâmica, intensa. Sei que os jogadores captarão nossa ideia rapidamente. Estamos aptos para chegar em boas condições à abertura da temporada.” Afirmou o técnico colorado.

“O Inter e sua torcida merecem uma equipe competitiva, que os identifique dentro de campo. Escolhi o Clube por ser apaixonante, é o tipo de lugar em que me sinto bem para trabalhar. Gosto desta linda loucura do torcedor, que vive e defende as cores de sua camiseta, ” declarou.

“Sempre gostei de estudar todas as equipes, o Inter não era exceção. Conheço os jogadores, e penso que o Clube tem um bom elenco. O que espero, agora, é uma equipe que lute por todas as bolas, da primeira à última, sem deixar de jogar um bom futebol. O sistema de jogo se adapta ao momento dos jogadores. Um time é armado a partir do que se pode tirar de melhor dele. Sempre tento ser o mais justo possível para escalar e montar a equipe. Dentro de campo, seremos intensos, competitivos.” Afirmou.

O técnico argentino disse que ainda não sabe se poderá contar com Paolo Guerrero, um dos principais desejos do Boca Juniors para a próxima temporada. Questionado sobre a sua relação com D’Alessandro, Coudet relatou que nunca teve em comandar atletas com quem trabalhou na época de jogador.

“Não tenho garantia de permanência em relação ao Guerrero e nenhum outro jogador. Eu falei com ele e disse que espero contar com o seu futebol, porque ele será importantíssimo. O Guerrero sabe como eu penso e estamos alinhados. O que ele me passou foi que está contente por estar no Inter e com vontade de ver a montagem de um grande time. Tomara que possamos contar com o Guerrero, e que a continuidade dele seja assegurada”, declarou.

“Tenho uma relação com o Andrés e já tive casos em que dirigi jogadores com quem trabalhei no vestiário. Não é algo que seja difícil para mim. As regras são claras para todos e todos serão tratados da mesma forma. Sempre tento ser o mais justo possível. Vai jogar quem estiver melhor”, garantiu.

O Inter negocia a renovação com D’Alessandro e espera manter Guerrero. O centroavante tem multa rescisória de 4,5 milhões de dólares para times estrangeiros e o Boca Juniors é o clube que aparece como possível destino. O time argentino passa por reestruturação depois da eleição de Jorge Amor Ameal, que tem na sua direção o ex-camisa 10 Juan Román Riquelme.

Currículo do treinador

Nome: Eduardo Germán Coudet
Data Nascimento: 12/9/1974

Carreira como técnico
2015 – Rosário Central (ARG)
2017 – Tijuana (MEX)
2018 – Racing (ARG)

Conquistas
2019 – Campeonato Argentino
2019 – Troféu dos Campeões

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here