Home Destaque Flamengo leva susto, mas vence o Al Hilal de virada e está...

Flamengo leva susto, mas vence o Al Hilal de virada e está na final do Mundial

58
0
SHARE
De virada, o Flamengo venceu o Al Hilal e aguarda o seu adversário na final do Mundial (Foto: Alexandre Vidal/CRF)

Repórter Rafael Passos
Twitter @rafaelpassos82 Instagram @rafaelpassos82

O Flamengo é o primeiro finalista do Mundial de Clubes 2019. O sonho de pintar o mundo novamente de Rubro-Negro chegou a ter ares de pesadelo, mas o comandados de Jorge Jesus não decepcionaram a torcida. Nesta terça-feira (17), o Fla venceu o Al Hilal, de virada, por 3 a 1, no Estádio Internacional Khalifa, em Doha, no Catar, e vai decidir o título, sábado, contra o vencedor de Liverpool e Monterrey. O time campeão asiático saiu na frente com Salem Al-Dawsari no primeiro tempo. Já na etapa final, Arrascaeta, Bruno Henrique e Al-Bulayhi (contra) colocaram os cariocas na decisão do mundial após 38 anos.

O Flamengo vai decidir a competição no próximo sábado (21), às 14h30min (horário de Brasília). A decisão será no Estádio Internacional Khalifa, em Doha, no Catar. A segunda semifinal entre Liverpool e Monterrey será disputada nesta quarta, às 14h30min, também em Doha.

Flamengo 3 x 1 Al Hilal
Ficha Técnica
Local: Estádio Internacional Khalifa, Doha (Catar)
Arbitragem: Ismail Elfath (EUA), auxiliado por Kyle Atkins (EUA) e Corey Parker (EUA). VAR: Alan Kelly (Irlanda).
Gols: De Arrascaeta 3´ 2T, Bruno Henrique 33´ 2T e Al-Bulayhi 37´ 2T (contra) (FLA); Salem Al-Dawsari 18´ 1T (AH)
Cartões amarelos: Pablo Mari, Bruno Henrique, Diego (FLA); Al-Bulaihi, Giovinco, Al-Dawsari (AH)
Cartão vermelho: André Carrillo (AH)
Público: 21.588 presentes

Flamengo: Diego Alves; Rafinha, Rodrigo Caio, Pablo Marí e Filipe Luís; Willian Arão, Gerson (Diego), De Arrascaeta (Piris da Motta) e ​Éverton Ribeiro; Bruno Henrique (Vitinho), Gabriel. Técnico: Jorge Jesus.

Al Hilal: Al-Mayouf; Al-Breik, Ali Al-Bulayhi, Jang Hyun-Soo e Al-Shahrani; Gustavo Cuéllar, Carlos Eduardo e Al-Dawsari (Nawaf Al Abed); André Carrillo, Gomis (Abdullah Otayf) e Giovinco (Omar Kharbin). Técnico: Razvan Lucescu.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here