Home Destaque Grêmio vence o Grenal 422 na Arena

Grêmio vence o Grenal 422 na Arena

63
0
SHARE
Grenal 422 recebeu ações em campo contra o racismo (Foto: Lucas Uebel/Grêmio FBPA)

Repórter Rafael Passos @rafaelpassos82 

O Grêmio venceu o Internacional no Grenal deste domingo (3), por 2 a 0, na Arena, em jogo válido pela 30ª rodada do Brasileirão. Os gols gremistas foram marcados por Geromel, de cabeça, no primeiro tempo, e Rômulo, na etapa final, em um chutaço de canhota, de fora da área.

Com a vitória, o Grêmio chega a 50 pontos e se mantém na 5ª colocação, a dois do São Paulo, que fecha o G4. Já o Inter para nos 46 e cai para sétimo. Com o triunfo, o Tricolor abre quatro pontos de distância para o rival na disputa pela vaga na Libertadores da América 2020.

As duas equipes voltam a campo na próxima quinta-feira (7). Às 19h30, o Colorado enfrenta o Ceará, no Castelão. Mais tarde, às 21h, o Tricolor o recebe o CSA, na Arena.

Os números da partida avalizam a vitória do Grêmio, que teve 56 % de posse de bola, 21 finalizações e 13 chances reais de gol. O Inter por sua vez, concluiu apenas cinco vezes, uma chance real. O Grêmio acertou 363 passes, e o Inter, 278. No quesito roubadas de bola, os comandados de Renato Portaluppi também levaram a melhor: foram 26 roubos contra 9 do time treinado por Zé Ricardo.

O Grêmio abriu o escore aos 33 minutos com o zagueiro Geromel. Alisson cobrou falta da esquerda na área e o camisa 3 pulou no terceiro andar para cabecear no canto direito de Marcelo Lomba. 1 a 0.

O Internacional retornou do vestiário com D’Alessandro no lugar de Neilton. Mas foi o Grêmio que quase marcou o segundo tento com um minuto. Diego Tardelli arrancou a dribles pelo campo de ataque e cruzou rasteiro para Everton, que cortou e bateu de canhota. A bola explodiu na trave.

Mas tem um ditado que diz: Não existe nada tão ruim, que não possa ficar pior! E ficou! O Inter ficou com 10 homens em campo aos cinco minutos após a expulsão de Marcelo Lomba. Luciano foi lançado e saiu cara a cara com goleiro que afastou parcialmente. No afã de recuperar a bola, o arqueiro deu um carrinho voador no atacante gremista. O árbitro Flávio Rodrigues de Souza não titubeou e mostrou imediatamente o cartão vermelho. Os jogadores do Inter reclamaram que Luciano estava impedido no lance. Porém, de acordo com a orientação da Fifa, o auxiliar levantou a bandeira somente ao fim da jogada. Guilherme Parede foi o escolhido para dar lugar a Danilo Fernandes.

Aos 32, Rômulo, que havia entrado no lugar de Maicon, mandou de canhota, de fora da área, encobriu Danilo Fernandes e marcou um belo gol. A bola ainda tocou no travessão antes de entrar: 2 a 0.

Com a vitória, o Grêmio chega a 50 pontos e se mantém na 5ª colocação (Foto: Lucas Uebel/Grêmio FBPA)

🇧🇼#Grêmio#Brasileirão2019 #BR19#FuteboldaGalera#GreNal422Coletiva pós-jogo do técnico Renato Portaluppi.#AoVivo#FutebolaovivoParticipe ao vivo através da #LivedaGaleraWhats app 51 99291-9291www.rdgalera.com e app próprio e radionet.Rádio Galera, o futebol do futuro acontece primeiro aqui!

Publicado por Rádio Galera em Domingo, 3 de novembro de 2019

🇲🇨#Inter#Brasileirão2019 #BR19#FuteboldaGalera#GreNal422Coletiva pós-jogo do técnico Zé Ricardo.#AoVivo#FutebolaovivoParticipe ao vivo através da #LivedaGaleraWhats app 51 99291-9291www.rdgalera.com e app próprio e radionet.Rádio Galera, o futebol do futuro acontece primeiro aqui!

Publicado por Rádio Galera em Domingo, 3 de novembro de 2019

 

Grêmio 🇪🇪 2 x 0 🇲🇨 Internacional
Ficha Técnica
Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre
Arbitragem: Flávio Rodrigues de Souza (SP), auxiliado por Augusto de Carvalho (FIFA-SP) e Marcelo Carvalho Van Gasse (FIFA-SP).
VAR: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral (SP).
Gols: Geromel 33′ 1T e Rômulo 32′ 2T
Cartões amarelos: Maicon e Cortez (GRÊ); Edenilson, Patrick e Nico López (INT)
Cartão vermelho: Marcelo Lomba (INT)
Público pagante: 40.618 (44.376 presentes)/Renda: R$ 1.778.772,00

Grêmio: Paulo Victor; Galhardo (Léo Moura), Geromel, Kannemann e Bruno Cortez; Maicon (Rômulo) e Matheus Henrique; Alisson, Everton e Luciano (Pepê); Diego Tardelli.
Técnico: Renato Portaluppi.

Internacional: Marcelo Lomba; Bruno (Patrick), Rodrigo Moledo, Víctor Cuesta e Uendel; Rodrigo Lindoso e Edenilson; Guilherme Parede (Danilo Fernandes), Neilton (D’Alessandro) e Wellington Silva; Paolo Guerrero. Técnico: Zé Ricardo.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here