Home Destaque Haberemus clássico Grenal na final do Brasileirão de Aspirantes

Haberemus clássico Grenal na final do Brasileirão de Aspirantes

589
0
SHARE
Clássico Grenal decidirá o Brasileirão de Aspirantes
Clássico Grenal decidirá o Brasileirão de Aspirantes

Repórter Rafael Passos

Haberemus clássico Grenal em uma final de competição nacional sim. Se não tivemos o duelo das duas maiores forças do futebol gaúcho na Libertadores nem na Copa do Brasil, a incumbência caiu no colo das equipes Sub-23. Nesta quinta-feira (12), Grêmio e Internacional confirmaram suas classificações na final do Campeonato Brasileiro de Aspirantes.

Os dois entraram em campo vantagem nos confrontos de ida diante de Bahia e Vitória, pela rodada de volta das semifinais, e não decepcionaram. As datas e horários dos clássicos decisivos ainda não foram definidos pela CBF, mas o Grêmio decidirá em casa, já que possui melhor campanha.

Ferreira é o artilheiro da competição, com 11 gols em 15 jogos (Foto: Rodrigo Fatturi/Grêmio)
Ferreira é o artilheiro da competição, com 11 gols em 15 jogos (Foto: Rodrigo Fatturi/Grêmio)

Confira o gol de Ferreira, artilheiro da competição, com 11 gols em 15 jogos.

Jogando no CFT Hélio Dourado, em Eldorado do Sul, Grêmio não tomou conhecimento do Vitória e goleou por 3 a 0, com gols de Ruan, Ferreira e Isaque. Na ida, no Barradão, em Salvador, o time treinado por Thiago Gomes havia feito 1 a 0. A partida foi acompanhada pelo auxiliar técnico de Renato Portaluppi, Alexandre Mendes, que observa de perto os destaques gremistas visando o restante desta temporada e principalmente o próximo ano. Um dos principais focos de atenção da comissão técnica está no atacante Ferreira.

Apesar de ter vantagem de um gol no placar agregado, o Grêmio foi para o abafa e abriu o placar a logo aos sete minutos, no CFT Hélio Dourado, em Eldorado do Sul. Na cobrança de falta de Jefferson, Ruan se adiantou ao goleiro Caíque e desviou de cabeça para o fundo das redes. 1 a 0. Aos 45 da etapa inicial, o goleador Ferreira deixou a sua marca. Jhonata Varela cruzou rasteiro para a área, Da Silva desviou, o goleiro defendeu parcialmente e a bola sobrou para Ferreira, que dominou e bateu sem chance para o arqueiro baiano. 2 a 0.

Na etapa complementar, aos sete minutos, Da Silva chutou para o gol, a bola explodiu na zaga do Vitória e sobrou para Ferreira, que serviu o camisa 10 Isaque. O meia arriscou da entrada da área e fez o terceiro tento tricolor. 3 a 0. Aos 26 minutos, o gremista Joanderson ainda foi expulso por ter acertado com o braço direito o rosto de Herbert, do Vitória, e desfalcará a equipe no jogo de ida. Com 4 a 0 no agregado, o Grêmio administrou o jogo e confirmou a classificação à final inédita.

Campanha do Grêmio: 16 jogos, 13 vitórias, um empate e duas derrotas, marcou 38 gols e sofreu 11, aproveitamento de 83%.

Grêmio 38 gols
Ferreira – 11 gols
Jhonata Robert – 4 gols
Da Silva – 4 gols
Léo Chú – 3 gols
Ruan – 3 gols
Isaque – 3 gols
Gulherme Dantas – 2 gols
Matheus Frizzo – 1 gol
Guilherme Guedes – 1 gol
Mateusinho – 1 gol
Joanderson – 1 gol
Jhonata Varela – 1 gol
Frizzo – 1 gol
Guilherme Beleá – 1 gol
Julio Romão (contra/Ponte Preta) – 1 gol

Ruan abriu o escore para o Grêmio no jogo de volta da semifinal do Brasileirão de Aspirantes (Foto: Rodrigo Fatturi/Grêmio)
Ruan abriu o escore para o Grêmio no jogo de volta da semifinal do Brasileirão de Aspirantes (Foto: Rodrigo Fatturi/Grêmio)

Grêmio 3 x 0 Vitória
Ficha Técnica
Local: CFT Hélio Dourado, em Eldorado do Sul (RS)
Arbitragem: Roger Goulart (RS), auxiliado por Gustavo Marin Schier (RS) e Max Augusto Guimarães Vioni (RS).
Gols: Ruan 7′ 1T, Ferreira 45′ 1T e Isaque 7′ 2T
Cartões amarelos: Ferreira (GRÊ); Hebert, Bruno Henrique, Flávio (VIT)
Cartão vermelho: Joanderson (GRÊ)

Grêmio: Phelipe Megiolaro; Felipe, Ruan, Rodrigues e Jefferson (Kazu); Jhonata Varela (Frizzo), Darlan Mendes e Isaque; Jhonata Robert (Guilherme Azevedo), Ferreira (Léo Chú) e Da Silva (Joanderson).

Vitória: Caíque; Cedric, Carlos (Gabriel), Jonathan e Gabriel Gomes; Hebert, Guilherme Rend (Bruno Henrique) e Renzo; Nickson (Flávio), Marcelo Rosa (Samuel) e Thiaguinho (Marcelo). Técnico: João Burse.

Pedro Lucas é a esperança de gols do Colorado na final do Brasileiro de Aspirantes (Foto: Mariana Capra/Intenacional)
Pedro Lucas é a esperança de gols do Colorado na final do Brasileiro de Aspirantes (Foto: Mariana Capra/Intenacional)

O Internacional venceu o Bahia por 1 a 0 no confronto de volta da semifinal do Brasileirão de Aspirantes e se classificou à final pela terceira vez seguida. Como venceu o jogo de ida, no Pituaçu, em Salvador, por 2 a 1, o Colorado entrou em campo na Morada dos Quero-Queros, em Alvorada, com a vantagem do empate. Ao Bahia restava marcar ao menos um gol para levar a decisão aos pênaltis. O gol que confirmou a vaga foi marcado por Matheus Monteiro.

O primeiro tempo foi equilibrado, com chances para os dois lados. Aos 10 minutos, José Aldo cruzou da direita e Pedro Lucas cabeceou na rede pelo lado de fora. Nove minutos depois, o lateral-esquerdo Erik, que integra o grupo principal, arriscou de fora da área, mas errou o alvo. Aos 28, José Aldo ajeitou para Pedro Lucas chutar com perigo à esquerda do gol defendido por Fernando. O Bahia precisava do gol e chegou com perigo, aos 33, quando César cruzou da esquerda e Caíque cabeceou sobre a meta de Keiller. Aos 36, o mesmo César recebeu livre pela esquerda, mas finalizou pela linha de fundo.

No segundo tempo, o Esquadrão de Aço quase marcou aos 6 minutos. Fernandinho fez boa jogada individual e chutou à esquerda do gol. Precisando vencer o Bahia foi ao ataque e deixou espaçou para os conta-golpes colorados. Aos 12 minutos, Netto recebeu passe de Pedro Lucas no lado direito e chutou cruzado rasteiro, o goleiro Fernando deu rebote e Matheus Monteiro empurrou para redes, abrindo o placar. 1 a 0.

Aos 42, o lateral-direito do Bahia, Willian Lepo deu uma entrada de forma forte no tornozelo de Erik recebeu o segundo cartão amarelo e foi expulso. Nos acréscimos, Edson atingiu com o braço o rosto de Caio, fora da disputa de bola, e também levou o vermelho.

O Inter tem uma trajetória de 16 partidas, com nove vitórias, quatro empates e três derrotas, anotou 29 gols e levou 21, 64,58% de aproveitamento.

Confira o gol de Matheus Monteiro, artilheiro colorado na competição, com 5 gols.

Internacional 29 gols
Matheus Monteiro – 5 gols
Netto – 4 gols
José Aldo – 3 gols
Edson – 3 gols
Andrey – 2 gols
Gustavo França – 2 gols
Pedro Lucas – 2 gols
Caio – 1 gol
Raphael Santos – 1 gol
Lucas Bessa – 1 gol
Da Silva – 1 gol
Jeferson – 1 gol
Jose Gabriel – 1 gol
Erik – 1 gol
Pedro Ramos – 1 gol

Erik reforçou a equipe Sub-23 do Internacional na semifinal do Brasileiro de Aspirantes (Fotos: Mariana Capra/Internacional)
Erik reforçou a equipe Sub-23 do Internacional na semifinal do Brasileiro de Aspirantes (Fotos: Mariana Capra/Internacional)

Internacional 1 x 0 Bahia
Ficha Técnica
Local: Morada dos Quero-Queros, em Alvorada (RS)
Arbitragem: Jonathan Benkenstein Pinheiro (RS), auxiliado por Luiza Naujorks Reis (RS) e Maíra Mastella Moreira (RS).
Gol: Matheus Monteiro 12′ 2T
Cartões amarelos: José Gabriel, Bruno Fuchs, José Aldo, Matheus Monteiro (INT); Willean Lepo, César, Jonatas, Edson, Ignácio, Brunão e Luciano Buiú (BAH)
Cartões vermelhos: Willean Lepo, Edson (BAH)

Internacional: Keiller; Edson Carvalho, Roberto, Bruno Fuchs e Erik; José Gabriel, Johnny (Juliano Fabro) e José Aldo (Da Silva); Matheus Monteiro (Caio), Pedro Lucas e Netto (Zé Vitor). Técnico: Ricardo Colbachini.

Bahia: Fernando; Willean Lepo, Ignácio, Brunão, César (Geovane Itinga); Edson, Paulinho (Carlinhos), Cristiano (Jonatas); Gustavo (Fernandinho), Gabriel Esteves (Erison), Caíque. Técnico: Dado Cavalcanti.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here